Social Icons

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Saga O Cavaleiro de Bronze - Paullina Simons



http://1.bp.blogspot.com/-W_bt25GXXIg/VlviIra_czI/AAAAAAAARbo/_Nc0EUCC2Zk/s1600/capa-nacional%2Blivro%2B2%2Bparte%2B1.jpg

O Cavaleiro de Bronze - livro 1 - parte 1


A Segunda Guerra Mundial ainda não havia alcançado a cidade de Leningrado, onde as duas irmãs Tatiana e Dasha Metanova viviam, dividindo um pequeno cômodo com seu irmão, seus pais e avós. Tudo muda quando as tropas de Hitler atacam a União Soviética e ameaçam invadir a grande, mas decadente, cidade. Fome, desespero e medo tomam conta de Leningrado, durante o terrível inverno no qual a cidade foi submetida ao cerco alemão. 
No entanto, a luz do amor é sempre capaz de iluminar a mais profunda escuridão. Tatiana conhece Alexander, um jovem e corajoso oficial do Exército Vermelho. O rapaz, forte, confiante e guardando um passado misterioso e problemático, sente-se atraído por Tatiana — e ela por ele. 
O amor impossível de Tatiana e Alexander ameaça agora dividir a família Metanov. E que segredo é esse que se esconde no passado do soldado, tão devastador quanto a própria guerra?

 http://2.bp.blogspot.com/-YGmu1t0aFHQ/VlviJJEcT4I/AAAAAAAARbw/SHDdcSDXtvg/s1600/o-cavaleiro-de-bronze-ii-o-portao-dourado%2B-%2Blivro%2B2%2Bparte%2B2.jpg

O Cavaleiro de Bronze - O Portão Dourado - livro 1 - parte 2


No início da guerra, em 22 de junho de 1941, o dia em que Alexander e Tatiana se conheceram, havia três milhões de civis em Leningrado. Na primavera de 1942, apenas um milhão de pessoas permaneciam ali. E o cerco não havia terminado. 
Depois de deixar Tatiana e Dasha Metanova dentro de um caminhão que seguia pela Estrada da Vida com destino a Molotov, Alexander não tinha nada além de esperanças. Não havia uma única correspondência sequer de Dasha ou Tatiana, nada que indicasse que ambas haviam chegado em segurança a seu destino. 
Na segunda parte de uma das maiores sagas de amor de todos os tempos, será praticamente impossível conter a emoção ao acompanhar a busca obstinada do ilustre oficial do Exército Vermelho, Alexander Belov, por sua Tatia. E ainda mais arrebatador presenciar se eles conseguirão viver esse intenso amor diante de tantas ameaças, em meio ao cruel cenário da Segunda Guerra Mundial.

Obs: No Brasil, o primeiro livro "The Bronze Horseman" foi publicado pela editora Novo Século e foi dividido em duas partes: "O Cavaleiro de Bronze" e "O Cavaleiro de Bronze –  O Portão Dourado".


Resenha da Bel


Contém alguns spoilers, portanto se não quiser saber pare por aqui. 

Vou tentar não contar muito. O que posso fazer, entretanto, é apresentar a premissa básica da história e destacar alguns dos elementos que mais me chamaram a atenção.

A história começa em um domingo ensolarado em 22 de junho de 1941, na Alemanha no dia em que Hitler e a União Soviética declararam guerra. A família Metanov vive em um apartamento apertado, com  sete adultos em dois quartos e partilham  uma cozinha comum e um banheiro com várias outras famílias, o que era algo comum na época. A  filha mais jovem da a família ,Tatiana, é uma garota tímida e sonhadora de dezessete anos. 
Um dia ela sai para comprar comida e está sentada no ponto de ônibus tomando  um sorvete, quando ela olha do outro lado da rua e vê um jovem oficial do Exército Vermelho olhando para ela. Ele , que está acompanhado de outro oficial atravessa a rua e toma o mesmo ônibus que ela.  Eles começam uma conversa e passam a tarde juntos. A atração entre os dois é instantânea, forte e inegável. O nome do soldado é Alexander, e ele e seu amigo Dmitri ajudam Tatiana a levar sua compra para a casa dela. Quando  chegam ao apartamento minúsculo dos Metanovs. Tatiana descobre, para seu desgosto, que Alexander é o rapaz de sua irmã mais velha Dasha tem saido ultimamente, e pelo qual está apaixonada. Então Tatiana e Alexander tomam uma decisão mútua de continuarem a se ver e não dizer nada à Dasha. 
Isso é tudo que posso dizer sem revelar muito da trama dos protagonistas. Deixe-me voltar para o cenário histórico onde se desenrolam os acontecimentos. 
Olhando no contexto histórico da época, os alemães  cercam Leningrado, e em algumas semanas a população começa a ficar com fome. Tatiana então lembra-se do que Alexander disse à ela no dia que se conheceram e ele a acompanhou às compras: "Compre como se você nunca mais fosse ver comida de novo."  Os Metanovs passam a depender muito de  Alexander, que utiliza os privilégios de ser oficial para obter  comida extra, mas mesmo assim não é suficiente. O pães começam a ser feitos com papelão e serragem e não há mais cães ou gatos na cidade, que provavelmente serviram de alimento para a população esfomeada. Com a chegada do rigoroso inverno europeu,  os canos de água congelam e Tatiana vê pessoas morrerem nas ruas  diante de seus olhos. 
Paulina  Simons tem a capacidade de transportar o leitor para o meio de tudo isso. A tocante experiência de Tatiana, como ela lida com a fome, com Alexander fora do seu alcance, mas com a esperança de encontrá-lo novamente e isso é tudo que ela tem para viver.
Mas a a privação e o sofrimento abalam a temporariamente e a dúvida paira sobre ela. "Será que vale a pena lutar? 
Ela, que nunca teve a chance de provar seu valor para sua família,  na crise, acaba por ser a mais forte dos Metanov. Ela é ingênua em muitos aspectos, mas em outros tem uma sabedoria desmentida, apesar da pouca idade.
A autora usa Tatiana para mostrar o humor negro que é uma característica de muitos russos, ela cita muitas piadas sobre a situação em que se encontra, numa tentativa de tornar o sua vida e a dos outros um pouco mais suportável. Ela encontra coragem de fazer o impensável,  mas não tem coragem de confessar à Dasha seu sentimento por Alexander. Quanto a Alexander, ele é o melhor tipo de herói romântico: jovem, alto, bonito, inteligente, corajoso, firme. Mas ele tem um enorme segredo  e  descobre tarde demais que confiou na pessoa errada para se abrir.  Mas ele sente que ele pode compartilhar com Tatiana seus problemas e falar sobre seus fantasmas. Ele é capaz de fazer qualquer coisa para salvar aqueles que ama, e assume riscos enormes para ajudar os Metanovs, especialmente Tatiana. Alexander é um cara admirável .
Os demais personagens são fortes e realistas. Dmitri é um tipico "homem soviético", frio e rude. Ele é incapaz de ver qualquer coisa além o seu próprio interesse. 

O próximo  livro comentarei em outra oportunidade, o que posso adiantar é que é preciso ter coração forte para ler esses livros, pois quando imaginamos que os protagonistas já sofreram o suficiente... OMG, sempre acontece algo que nos toca ainda mais. Bem,  apesar de tudo a trama não é sobre sofrimento, trata-se de força e superação, mas sobretudo do poder de um amor verdadeiro. Lindo!


 https://1.bp.blogspot.com/-AhA2MxPX8r0/WHwpI6q-SnI/AAAAAAAAeG4/Iia--fcl7E01-uimQMDfmK9NbPBdKCF1ACLcB/s1600/O%2BCavaleiro%2Bde%2BBronze%2B2.jpg

Tatiana & Alexander - livro 2


A saga épica de Amor e Guerra continua – a sequência de parar o coração do amado best seller internacional de Paullina Simons, The Bronze Horseman
Tatiana agora tem dezoito anos. Viúva e grávida, ela foge da devastada Leningrado para começar uma vida nova na América. Mas os fantasmas de seu passado não descansam facilmente. Ela passa a ser consumida pela crença de que seu marido, o general do Exército Vermelho Alexander Belov, ainda está vivo e precisa desesperadamente de sua ajuda. 
Enquanto isso, a oceanos e continentes de distância, Alexander é forçado a liderar um batalhão de soldados considerado dispensável pelo alto comando soviético. No entanto, Alexander está determinado a conduzir seus homens pelas ruínas da Europa, numa tentativa desesperada de escapar da máquina de morte de Stálin e, de alguma maneira, encontrar o caminho que o conduza a Tatiana mais uma vez. 
Deixe-se envolver pela escrita encantadora de Paullina Simons neste romance atemporal aclamado em todo o mundo.

 http://4.bp.blogspot.com/-1Jz-3Xjl3-E/VlviJzxDJII/AAAAAAAARb8/V2CGfFO2goE/s1600/ps3.jpg

O Jardim de Verão - livro 3


Durante anos de guerra e devastação, Tatiana e Alexander sofreram o pior que o século vinte poderia oferecer. Milagrosamente reunidos nos Estados Unidos, eles agora têm um belo filho, Anthony, o presente de um amor forte o suficiente para sobreviver aos levantes mais terríveis. Apesar de serem ainda jovens, as provações que enfrentaram os modificou – e após terem vivido separados em um mundo devastado, eles precisam encontrar um meio de viver juntos em uma América pós-guerra. 
Com a Guerra Fria se instalando, forças negativas trabalham, em seu país de adoção, ameaçando suas vidas, família, e sua tão duramente conquistada paz. Para recuperar a felicidade que eles um dia conheceram, para lavar a persistente dor do passado, dois amantes que se distanciaram precisam de alguma forma inventar uma nova vida… ou assistir aos fantasmas de seu passado destruírem a vida de seu filho primogênito. 


Passagens dos livros


O Livro é tão cheio de citações lindas que ficou difícil escolher algumas. Confiram algumas:


Tatiana não sabia como viveriam. Ela não sabia se algum dia teriam uma vida normal, como outras pessoas, como outros casais, simples, calma, pequena, agradável. O que era uma vida normal para eles dois?

"Eu venho toda noite ajoelhar-me ao seu altar..."

 Tatiana disse: Continue com Dasha. Ela é certa para você . Ela é uma mulher e eu...
"É cega" - Alexander exclamou. 
Tatiana levantou-se perdendo desoladamente a batalha em seu coração.
"Oh Alexander , o que você quer de mim?"
"Tudo" - ele sussurrou ferozmente. 

“Ela não era de sentir pena de si mesma, e não iria começar a fazê-lo agora. Se havia algo para se lamentar, era a guinada nos eventos que permitiu sentimentos em seu coração, só para ter esses sentimentos esmagados pelas mãos grotescas do destino. Ela não deixaria a autopiedade entrar – esse demônio raivoso.” 

“Eu te amo.” Ela o abraçou. “Eu te amo até perder o fôlego, meu homem maravilhoso.” Com ternura ela sorriu para ele. “Mas você sabe, eu também nunca ouvi você dizer para mim.” “Sim você ouviu, Tatiana,” disse Alexander. 

"Não posso viver em um mundo sem Tatiana"

"Obrigada, Deus, por Alexander"

“…e não havia nada que ela desejasse mais dele além daquela hora ao final de seu longo dia…” 

“Tania você é meu milagre. Você sabe disso, não sabe? Deus lhe enviou para me dar fé. Ele lhe enviou para me redimir, me confortar e me curar, e isso só até agora.”








Capas dos livros pelo Mundo










Fonte: Goodreads
Postado por Bel e Silvia   


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Papo de Leitor (a)

Regras do Chat